• Lorena Buiatti

Mudanças (de cabelo e tudo mais)


Mudanças fazem parte do dia-a-dia de uma mulher. Precisamos estar de acordo com cada ocasião. A roupa certa, o sapato certo, a bolsa certa e o cabelo certo. Mulher e seu cabelo sofrem de uma história de amor. Uma bem mutável, na verdade. Afinal, em alguns dias, ao nos olharmos no espelho, vemos os mesmos fios de sempre, meio amassados talvez e… dá um desânimo! Bate aquela vontade de algo novo! Muitas vezes, a mudança aconteceu interiormente, sem que a pessoa ainda tenha percebido/aceitado, ou então foi uma alteração positiva ou não, na vida daquela descabelada, digo, mulher. Emprego novo, cidade nova, novas crenças, momento de aflição e baixa autoestima. E porque esse “bafafá” todo sobre cabelo? Por que, um belo dia, acordei diferente (em quê ainda não sei), comecei a brincar digitalmente com a cor da minha naturalmente castanha cabeleira. Gostei do castanho mais claro e do vermelho. E isso me fez levantar questões já antigas, sempre quis pintar o cabelo de vermelho (na verdade, de azul também, mas ruivo acabou tornando-se a primeira opção). Conversei com alguns amigos, mostrei fotos, conversei com a moça da farmácia e uma cabeleleira. Comprei a tinta. Minha mãe está morrendo de “dó”, pelo meu cabelo, mas bem, é “coisa de mãe”. Eu estou ansiosa. Quero mudar a cor logo. Mas também estou com muito medo. Será que vou saber lidar bem com as mudanças que a ideia implica?

made with ♥ in MG, 2020